Paloma Diaz- Mas. “Como un libro cerrado”

Pablo González Blasco Livros Leave a Comment

Paloma Diaz- Mas. “Como un libro cerrado” Anagrama. Barcelona 2005.218 págs.

Coleção de relatos, distribuídos em curtos capítulos, onde a autora – nascida em Madrid em 1954- evoca lembranças da sua infância e adolescência. Existe um fio comum em toda a narração: a educação recebida. Família, colegas e, sobretudo, professores que marcaram esses anos de formação. É uma interpretação de como ocorre a gênese de uma vocação literária desde os primeiros momentos da vida, incluso quando ainda não se sabe ler, e tudo é “como um livro cerrado”.

Aqui está, talvez, a novidade e o encanto desta obra: nas descrições divertidas, variadas e originais, onde a autora revela como cada um desses episódios influiu positivamente para sua formação como escritora. Os relatos situam-se na Espanha dos anos 60 e 70. São diretos, escritos de modo simples, e muitos deles permeados de “casticismos”, o que torna a leitura da obra especialmente amena para quem, de um modo ou outro, viveu esses mesmos tempos. Certamente se identificará em muitos momentos com a autora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.