Fabrice Hadjadj: Puesto que todo está en vías de destrucción

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Fabrice Hadjadj. Puesto que todo está en vías de destrucción.  Nuevo Inicio. Granada (2016). 186 págs.  Este é o terceiro livro que enfrento do autor. E digo propositalmente, enfrentar, porque os escritos de Fabrice Hadjadj não são um passeio cultural sem compromisso, mas verdadeiras cargas de profundidade. Escritor, filósofo, professor na França, nascido numa família judia de origem árabe e de …

Pierre Lemaitre: Até nos vermos lá em cima

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Pierre Lemaitre. Até nos vermos lá em cima. (Nos vemos allá arriba. Salamandra. Barcelona. (2014). 443 pgs) Chegou às minhas mãos a tradução espanhola deste premiado escritor francês. Algo comentava a crítica de um romance policial, situado no final da Primeira Grande guerra. A verdade é que não encontrei a tal intriga policial por nenhum lado, e sim uma crítica …

Ítalo Calvino: "O Visconde partido ao meio"

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Ítalo Calvino: “O Visconde partido ao meio” Companhia das Letras. 1997. 90 pgs. (incluído na trilogia: “Os Nossos Antepassados”) A tertúlia literária mensal traz à tona esta pequena-grande obra de Ítalo Calvino. Um escritor que faz da fantasia recurso para analisar o ser humano, ajuda a entender melhor o homem contemporâneo e, naturalmente, dá recados que nos acompanham na aventura …