Juan Manuel de Prada: “El Castillo de Diamante”.

Staff Livros Leave a Comment

Juan Manuel de Prada:  “El Castillo de Diamante”. Espasa Libros. Barcelona. 2015. 455 págs. La pluma elegante de Juan Manuel de Prada nos transporta, con esta novela histórica, hasta el Siglo de Oro. Siglo de poetas y dramaturgos, de místicos y de bellacos,  mezcla de genios y figuras. Describe con buena prosa, castiza y cervantina, el escenario:  “gente principal, nobles …

G. K. Chesterton: “ O homem que foi Quinta Feira”. (Um pesadelo). 

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

G. K. Chesterton: “ O homem que foi Quinta Feira”. (Um pesadelo).  Círculo do Livro. São Paulo. 1973. 196 págs.. Ler Chesterton sempre traz surpresas. Foi esse o pensamento que veio à minha mente logo no início da nossa reunião mensal de pensadores na Tertúlia Literária. Surpresas porque, sendo o livro o mesmo, os comentários dos assistentes pareciam indicar terem …

Friedrich Durrenmatt: “A Suspeita”.

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Friedrich Durrenmatt: “A Suspeita”. Círculo do Livro. 1975. 157 págs. Quando publiquei um comentário sobre a obra clássica de teatro deste mesmo autor, A Visita da Velha Senhora, além de uma amável resposta, ganhei este livro de uma colega: “É prosa, mas o miolo ético é o mesmo. Vás gostar”. Coloquei na estante, esperando o momento. Porque os livros tem o …

Sebastian Barry: “Os Escritos Secretos”.

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Sebastian Barry: “Os Escritos Secretos”. Bertrand Brasil. Rio de Janeiro. 2013. 348 págs. A tertúlia literária traz sempre surpresas. Há algumas semanas, uma das assistentes ao nosso fórum de pensadores, presenteou-me com este livro. “Talvez possa servir para nossas discussões. Eu gostei muito”. Agradeci, guardei o livro e, pouco depois mergulhei na leitura dos escritos secretos. Um cenário muito bem …

Jesus Sanchez Adalid: “El Mozárabe”.

Staff Livros Leave a Comment

Jesus Sanchez Adalid: “El Mozárabe”. Planeta De Agostini. Barcelona. 2003. 660 pgs(2 volumes). Judíos, Moros y Cristianos. Novela Histórica. La lectura del magnífico libro de Julián Marías  sobre las Españas, y en particular los comentarios sobre el periodo de la Reconquista -cuando España se construye, afirmando su identidad- fue el impulso remoto para sacar del estante este libro que había comprado hace tiempo. Creo …

Dante Gallian: “A literatura como remédio. Os clássicos e a saúde da alma”.

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Dante Gallian: “A literatura como remédio. Os clássicos e a saúde da alma”. Martin Claret . São Paulo. 2017. 212 págs. O autor -grande amigo de muitos anos, parceiro em empreitadas humanistas na área da saúde- fez-me chegar um exemplar desta sua obra recente. “Veja se consegues comentar alguma coisa….”. O desafio não é comentar, mas tentar resumir uma experiência …

Julián Marías: España Inteligible. Razón Histórica de las Españas.

Staff Livros, Não categorizado Leave a Comment

Julián Marías: España Inteligible. Razón Histórica de las Españas. Alianza Editorial. Madrid. 2014. 421 págs. Este año, las vacaciones de verano llegan con la invitación de zambullirme en esta obra cumbre del filósofo español, que reposaba hace tiempo en mi estantería. Imposible resumirla, temeroso comentarla, porque su lectura es casi una experiencia fenomenológica, vitalista. Hay que leerla para saborearla, disfrutarla …

Gail Honeyman: “Eleanor Oliphant está muito bem”.

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Gail Honeyman: “Eleanor Oliphant está muito bem”. Fábrica 231. Rio de Janeiro, 2017. 350 págs. Chega a nossa tertúlia literária esta obra debut da escritora escocesa. Algo tinha lido acerca deste romance que apontava ser um ensaio sobre relacionamento, e os mundos diferentes em que todos andamos mergulhados e nem sempre conseguimos enxergar. A protagonista é uma mulher culta, formada …

Robert Spaemann: “Personas. Acerca de la distinción entre algo y alguien”.

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Robert Spaemann: “Personas. Acerca de la distinción entre algo y alguien”.   EUNSA. Pamplona. 2000. 236 págs. O recente falecimento do filósofo alemão, com 91 anos, foi o impulso que me levou a tirar da prateleira este livro que lá repousava há quase 20 anos. Um tributo necessário -pensei- para um intelectual contemporâneo, homem de muitos saberes, de quem já tinha lido algum escrito relacionado …

E.C. Bentley “O  último caso de Trent”

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

E.C. Bentley “O  último caso de Trent”. Círculo do Livro. Ed Globo. São Paulo. 1981. 201 págs. Chegou-me a referência como um clássico do romance policial. Bentley era amigo de Chesterton, e a ele dedica este livro. Pareceu-me entender que era uma velha promessa, mas em se tratando de figuras como estas, é necessário ler as entrelinhas, e o que …