Javier Moro: “Flor da Pele”.

Pablo González Blasco Livros Leave a Comment

Javier Moro: “Flor da Pele”. Ed. Planeta do Brasil. São Paulo. 2016. 433 págs. O livro escolhido para a Tertúlia Literária, sugestão de algum dos nossos professores, veio a calhar para os momentos que estamos vivendo nestes já quase dois anos de pandemia. Com a sua maestria habitual, Javier Moro romanceia a história e nos apresenta a expedição comandada por …

Dominique Enright: “A Verve e o Veneno de Winston Churchill”

Pablo González Blasco Livros Leave a Comment

Dominique Enright: “A Verve e o Veneno de Winston Churchill” Odisseia Editorial. 2009. Rio de Janeiro. 175 págs. Winston Churchill certamente inclui-se nesse grupo de escritores muito citados, e muito pouco lidos. E, confesso, que devo vestir a carapuça, porque ainda tenho pendente na minha estante, Uma História dos Povos de Língua Inglesa., que me foi recomendada por um amigo …

Júlio Dinis: “Os Fidalgos da Casa Mourisca”.

Pablo González Blasco Livros Leave a Comment

Júlio Dinis: “Os Fidalgos da Casa Mourisca”. Edições Best Bolso. Rio de Janeiro 2014. 444 págs. Com ocasião da Tertúlia Literária mensal, retomei com gosto esta leitura, com a qual me deparei por primeira vez há mais de 30 anos. Desta vez li o prefácio cuidadosamente, porque centra o tema com precisão. Tomo nota quase textual: “Os Fidalgos da Casa …

Paola Peretti: “A Distância até a cerejeira”.

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

Paola Peretti: “A Distância até a cerejeira”. Ed. Outro Planeta. São Paulo 2019. 224pgs. Eis um livro surpreendente, sugestivo e encantador. Não doce, nem meloso, porque encerra um drama em cada linha: uma menina que padece cegueira progressiva, a Doença de Stardgardt, uma degeneração macular sem remédio. O encanto fica por conta das reflexões da nossa protagonista, Mafalda. A surpresa …

Theodore Dalrymple: “A Vida na Sarjeta: O Círculo Vicioso da Miséria Moral”

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

“A Vida na Sarjeta: O Círculo Vicioso da Miséria Moral” E Realizações. São Paulo, 2014. 278 págs. Consultando as minhas publicações -algo que já me recomendaram fazer com mais frequência, até porque há quem diga que a gente escreve para nós mesmos mais do que para os outros- reparei que há quase 3 anos que não leio nada deste autor. …

Orhan Pamuk: “Meu nome é vermelho”.

Pablo González Blasco Livros Leave a Comment

Orhan Pamuk: “Meu nome é vermelho”. Companhia das Letras. São Paulo. 2013. 576 págs. O primeiro escritor turco a ganhar um Nobel de literatura em 2006, considerado um narrador de categoria, foi o incentivo para escalarmos este romance na nossa tertúlia literária. Pesquisando depois, soubemos que Pamuk condenou o genocídio armênio -algo que os turcos continuam afirmando que nunca existiu- e …

William Deresiewicz: Excellent Sheep: The Miseducation of the American Elite and the Way to a Meaningful Life

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

El rebaño excelente. Cómo superar las carencia de la educación universitaria de Elite. Ed. Rialp. Madrid. 2019. 273 págs. Chega às minhas mãos -quer dizer, à tela do meu tablet- a versão espanhola deste livro magnífico. Não encontro a tradução para o português, e fica aqui a sugestão para os editores porque o livro não tem desperdício. Enquanto isso, me …

Maurice Leblanc: “Arsène Lupin. Ladrão de Casaca”

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

Maurice Leblanc: “Arsène Lupin. Ladrão de Casaca”Nova Fronteira, São Paulo, 1976. 170 págs. Leituras na Pandemia 14 Alavancado pela ótima série de Netflix, inspirada nas aventuras do ladrão e elegante cavalheiro  –gentleman et  cambrioleur– , agendamos para a tertúlia literária mensal a primeira entrega de Maurice Leblanc, onde nos apresenta Arsène Lupin. O prefácio do livro, situa-nos no contexto: “Vivo, …

C. S. Lewis: “Cartas de um diabo a seu aprendiz”

Staff Livros 1 Comment

Thomas Nelson Brasil. Rio de Janeiro. 2017. 150 págs. Leituras na Pandemia – 13 Ler C.S. Lewis é sempre um desafio. O contundente bom senso, permeado de fino humor britânico e de toneladas de cultura, requerem tempo para a digestão. A dificuldade não está nas ideias que o professor de Oxford coloca, mas na assimilação parcimoniosa, na degustação dos conceitos. …

O Anel de Giges: Um dilema ético sempre atual

Pablo González Blasco Livros 2 Comments

Eduardo Giannetti: “ O Anel de Giges”. Companhia das Letras São Paulo 2020. 313 págs. Joaquin García- Huidobro: “El anillo de Giges. Una introducción a la tradición central de la ética”.  Ed Notas Universitarias. México. 2019. E- Book. 519 pgs Por essas coincidências da vida, tropecei, em menos de um ano, três vezes com o anel de Giges e os desafios …