Charles Dickens: Um conto de Natal

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

L& PM Pocket. 111 pgs. A releitura do Conto de Natal, o clássico de Dickens, é sempre uma tentação convidativa nesta  época do ano. Sabendo disso, e com a certeza de que muitos dos participantes da tertúlia literária já o tinham lido, decidimos escalá-lo para nossa conversa alguns dias antes do Natal. Afinal, todos somos um pouco como o protagonista, …

Ian Mc Ewan: Reparação

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

Ian Mc Ewan: Reparação Companhia das Letras . São Paulo. 2002.  448 págs. Devo confessar que Ian Mc Ewan não era santo da minha devoção. Tinha lido algumas obras dele, e fiquei com um sabor de boca mal definido. O  complicado mistura-se por vezes com o tosco, as realidades com os sonhos, enfim, uma salada que não me resultou agradável. …

Lev Tolstói: “A Sonata a Kreutzer”.

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

Lev Tolstói: “A Sonata a Kreutzer”. Editora 34. São Paulo, 2007. 113 págs. Uma das últimas obras do escritor russo, protagonizou a nossa tertúlia literária. Um protagonismo singular, um estopim de reflexões, algumas na hora, outras por escrito que algum participante enviou a posteriori. Valha esta amostra para sentir o teor da reflexão conjunta: “Gostei muito do livro e dos …

Javier Moro: “Flor da Pele”.

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

Javier Moro: “Flor da Pele”. Ed. Planeta do Brasil. São Paulo. 2016. 433 págs. O livro escolhido para a Tertúlia Literária, sugestão de algum dos nossos professores, veio a calhar para os momentos que estamos vivendo nestes já quase dois anos de pandemia. Com a sua maestria habitual, Javier Moro romanceia a história e nos apresenta a expedição comandada por …

Dominique Enright: “A Verve e o Veneno de Winston Churchill”

Pablo González Blasco Livros 2 Comments

Dominique Enright: “A Verve e o Veneno de Winston Churchill” Odisseia Editorial. 2009. Rio de Janeiro. 175 págs. Winston Churchill certamente inclui-se nesse grupo de escritores muito citados, e muito pouco lidos. E, confesso, que devo vestir a carapuça, porque ainda tenho pendente na minha estante, Uma História dos Povos de Língua Inglesa., que me foi recomendada por um amigo …

Júlio Dinis: “Os Fidalgos da Casa Mourisca”.

Pablo González Blasco Livros Leave a Comment

Júlio Dinis: “Os Fidalgos da Casa Mourisca”. Edições Best Bolso. Rio de Janeiro 2014. 444 págs. Com ocasião da Tertúlia Literária mensal, retomei com gosto esta leitura, com a qual me deparei por primeira vez há mais de 30 anos. Desta vez li o prefácio cuidadosamente, porque centra o tema com precisão. Tomo nota quase textual: “Os Fidalgos da Casa …

Paola Peretti: “A Distância até a cerejeira”.

Pablo González Blasco Livros 2 Comments

Paola Peretti: “A Distância até a cerejeira”. Ed. Outro Planeta. São Paulo 2019. 224pgs. Eis um livro surpreendente, sugestivo e encantador. Não doce, nem meloso, porque encerra um drama em cada linha: uma menina que padece cegueira progressiva, a Doença de Stardgardt, uma degeneração macular sem remédio. O encanto fica por conta das reflexões da nossa protagonista, Mafalda. A surpresa …

Theodore Dalrymple: “A Vida na Sarjeta: O Círculo Vicioso da Miséria Moral”

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

“A Vida na Sarjeta: O Círculo Vicioso da Miséria Moral” E Realizações. São Paulo, 2014. 278 págs. Consultando as minhas publicações -algo que já me recomendaram fazer com mais frequência, até porque há quem diga que a gente escreve para nós mesmos mais do que para os outros- reparei que há quase 3 anos que não leio nada deste autor. …

Orhan Pamuk: “Meu nome é vermelho”.

Pablo González Blasco Livros Leave a Comment

Orhan Pamuk: “Meu nome é vermelho”. Companhia das Letras. São Paulo. 2013. 576 págs. O primeiro escritor turco a ganhar um Nobel de literatura em 2006, considerado um narrador de categoria, foi o incentivo para escalarmos este romance na nossa tertúlia literária. Pesquisando depois, soubemos que Pamuk condenou o genocídio armênio -algo que os turcos continuam afirmando que nunca existiu- e …

William Deresiewicz: Excellent Sheep: The Miseducation of the American Elite and the Way to a Meaningful Life

Pablo González Blasco Livros 1 Comment

El rebaño excelente. Cómo superar las carencia de la educación universitaria de Elite. Ed. Rialp. Madrid. 2019. 273 págs. Chega às minhas mãos -quer dizer, à tela do meu tablet- a versão espanhola deste livro magnífico. Não encontro a tradução para o português, e fica aqui a sugestão para os editores porque o livro não tem desperdício. Enquanto isso, me …