Ulrich Schnabel: “Ocio. La felicidad de no hacer nada”

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Ulrich Schnabel: “Ocio. La felicidad de no hacer nada”. Plataforma. Barcelona. (2011). 350pgs O sugestivo título convidou-me a adquirir a versão espanhola do original em alemão. Mas confesso que fui com muita sede ao pote, em busca de um caminho rápido para esse ócio que se nos escapa, como água entre as mãos, no mundo agitado em que estamos mergulhados. …

Meus Pais. Uma homenagem

Gabriel Brandão Não categorizado Leave a Comment

Tradução da versão original em espanhol      Minha mãe foi-se à casa do Céu no passado mês de Maio. O modo de dizer não é um eufemismo, mas a forma como sempre denominamos – e colocamos nas estampas comemorativas das pessoas queridas da família-, este momento de separação. Enterramo-la do lado do meu pai, no dia 23; justamente 57 anos depois …

Clara Lejeune- Gaymard: “La dicha de vivir. Jérôme Lejeune, mi padre”

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Clara Lejeune- Gaymard: “La dicha de vivir. Jérôme Lejeune, mi padre”. Rialp. Madrid. 2012.136 pgs      Chega às minhas mãos este livro pequeno, simples e encantador. Trata-se da tradução espanhola do original francês (La Vie est um bonheur. Jérôme Lejeune, mon pere), e não me consta que exista ainda uma versão em português. A autora, Clara Lejeune-Gaymard, é a caçula das …

Jose Morales: “Breve Historia del Concilio Vaticano II”

Gabriel Brandão Livros Leave a Comment

Jose Morales: “Breve Historia del Concilio Vaticano II”. Rialp. Madrid. 2012. 188 pgs.      Quando queremos informar-nos sobre um tema importante – as Guerras Mundiais, a História Contemporânea, um Concílio Ecumênico- a tentação é debruçar-se sobre um livro amplo que esgote o assunto. Não costuma ser a melhor estratégia, porque o excesso de informação costuma diluir a visão de conjunto e, …